Riscos à Saúde dos Condôminos: As Consequências da Falta de Higienização em Caixas d’Água em Condomínios

Riscos à Saúde dos Condôminos: As Consequências da Falta de Higienização em Caixas d’Água em Condomínios

A higienização em caixas d’água em condomínios deve ser feita de maneira constante, mas infelizmente ainda existem muitos síndicos e administradores que não se atentam a essa importância.

Como há muitas pessoas que usam essa água para limpeza de utensílios, alimentos e para tomar banho, sem contar outras atividades, a falta de limpeza da caixa d’água pode acarretar muitos problemas.

Por isso, aqui nós vamos explicar um pouco sobre as consequências da falta de higienização em caixas d’água em condomínios para os moradores do local e como até mesmo os responsáveis podem sofrer problemas sem a limpeza adequada.

Riscos à saúde dos moradores do condomínio

Como explicamos, os condomínios tratam-se de locais onde há um fluxo grande de pessoas e, mais do que isso, elas utilizam bastante a água para diversas finalidades.

Deste modo, se a caixa d’água não for constantemente limpa, isso pode gerar sérios problemas à saúde dos indivíduos.

Portanto, a falta de limpeza pode ocasionar a proliferação de microorganismos, como bactérias, que levam as pessoas a se sentirem doentes apresentando diversos sintomas, como dor na barriga, enjoo e vômitos.

Esses sintomas são decorrentes de várias doenças que afetam o trato digestivo, como a leptospirose que é transmitida pela urina do gato, a legionella, a amebíase e a giardíase.

As doenças virais que ocasionam diarréias violentas também podem ser ocasionadas pela falta de limpeza, ainda mais quando há a ocorrência de animais mortos e em decomposição.

Sem contar todos esses riscos à saúde, ainda podemos falar sobre como o mau cheiro na água deixa tudo mais desagradável e costuma ser o primeiro sinal de que algo está errado.

Alguns casos de caixa d’água contaminada já foram parar até na justiça

E o pior é que esse tipo de situação costuma acontecer constantemente aqui no Brasil e nós nos deparamos com notícias realmente absurdas sobre o que se encontra em caixas d’água sujas e que não passam por higienização.

É o caso de encontrar animais como pombos e ratos mortos, ou mesmo águas contaminadas com colônias de bactérias que geram várias doenças.

Algumas situações, inclusive, foram parar na justiça quando moradores adoeceram por conta da água contaminada dos seus condomínios.

Nos dias atuais, a limpeza da caixa d’água ainda tem um outro ponto de grande relevância que é evitar os focos de mosquitos da dengue, doença que tem levado muitas pessoas a adoecerem no Brasil.

Conclusão

Como você pode ver aqui, a falta de adequada higienização em caixas d’água em condomínios pode levar a sérios problemas de saúde dos moradores e a questões legais por parte dos síndicos. 

Neste texto, nós mostramos um pouco mais a respeito dos riscos que essa ausência de limpeza dos reservatórios pode trazer a quem consome a água, como leptospirose e amebíase, apenas para citar duas doenças mais comuns.

O que achou do conteúdo de hoje sobre as consequências da falta de higienização em caixas d’água em condomínios?

Compartilhe esta postagem

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *